... de Pernambuco, do Brasil e do Mundo! Descubra e compartilhe sua natureza.
  1. Mídias
  2. Velella velella

Velella velella

Publicado por Aléssio F.

no dia 16/04/2024

43 visualizações

0 comentário

Velella velella

Escala do sujeito : não informado

Descrição

Velella velella é uma espécie de cnidário hidrozoário colonial que vive flutuando na superfície de mares temperados e tropicais. Se diz que é um ser vivo colonial pois seu corpo, que mede em torno de 6 cm, é formado por numerosos pólipos que exercem diferentes funções, como reprodução, alimentação, defesa e flutuação. Basicamente, o corpo de Velella velella é constituído de duas partes: a vela e o disco flutuante. Abaixo do disco são encontrados pequenos tentáculos, que ficam submersos. O disco flutuante é composto de vários tubos de ar quitinosos concêntricos e cheios de ar.

Velella velella apresenta um deslocamento passivo, derivando em favor do vento e de correntes marinhas. Espécies que vivem desta forma, flutuando na superfície dos oceanos, são conhecidas como pleustônicas ou neustônicos. Fazem parte desta comunidade as caravelas-do-mar e Janthina janthina, um molusco que flutua graças a pequenas bolhas de ar.

O ciclo de vida de Velella velella é complexo e apresenta o estágio colonial, como na foto, e o estágio sexual, em forma de pequenas medusas, que vivem a uma profundidade entre 600-100 metros. Durante a época reprodutiva, essas pequenas medusas produzem e liberam gametas na coluna d’água. O desenvolvimento da larva dura aproximadamente 6 semanas. Após esse período, ela sofre uma metamorfose e migra para a superficie do oceano e se transforma no estágio colonial.

Alimenta-se de larvas de peixe, copépodos e larvas de crustáceos do zooplâncton.

Registro realizado no dia 11 de abril na praia de Concarneau, no sul da Bretanha, França.

Marcadores do autor

15/15

Comentar

Quem é você?

Pour afficher votre trombine avec votre message, enregistrez-la d’abord sur gravatar.com (gratuit et indolore) et n’oubliez pas d’indiquer votre adresse e-mail ici.

Inclua aqui o seu comentário

Este campo aceita os atalhos SPIP {{negrito}} {itálico} -*liste [texte->url] <quote> <code> e o código html <q> <del> <ins>. Para criar parágrafos, deixe simplesmente linhas vazias.

Apoie o Portal